quarta-feira, janeiro 14, 2009

Perspectivas da emoção


A arquitectura depende da existência de emoções, sem estas, as nossas perspectivas, cortes e plantas transformam-se num bloco fechado metido num lixo de um qualquer servidor informático á mercê da ultima linha de corrente. A ideia foi construir um conto-animação a partir de programas de arquitectura que utilizamos correntemente. Devemos exceder os limites da nossa imaginação, inserindo cada vês mais em projecto as dinâmicas que nos animam na espuma dos dias.


_sebastião

8 comentários:

Pedro disse...

Muito bom, provavelmente das melhores coisas que já apareceu neste blog. Ao menos as insónias a tremer o dedo do click do rato e a ver linhas do autocad, deram para um vídeo muito bom.

Vera Luísa disse...

Gostei muito! :] é algo para continuar a explorar para um projecto com mais pessoal!

manel disse...

aftereight productions o nome da produtora está maravilhoso ahahahah

Catarina disse...

Adorei. E o Joel idem. Aqui desta nossa flatland, sempre à procura de outras dimensões. parabéns comovidos

Margarida disse...

Múito...LUNAR, a FAZER...O SENTIDO. Parabéns, muitas NOVAS e INSPIRADAS NOITADAS.

_clau disse...

Uau! Está lindo...adorei:)
A emoção e a atmosfera muitas vezes procurada está aqui bastante explicita. Abriste portas ao sonho e ao bichinho que nos corroi e nos faz mover em frente. Parabens!
p.s.(tens tanto potencial para explorar..não te deixes abater por linhas e pontos coloridos no infinito negro de uma tela de computador)

_clau disse...

by the way o nome da produtora está um máximo ahahah e que tal "workingintheweekendtoo?"

diogo disse...

Eu também gosto de trabalhar a partir das 20h!